Além disso

Tipos de atordoadores para porcos e como fazer você mesmo em casa


Todo fazendeiro que cria leitões já enfrentou o abate de animais em várias ocasiões. Para alguns, esse processo é simples e direto. No entanto, muitos agricultores iniciantes enfrentam desafios. Na maioria das vezes, as pessoas se recusam a matar fisicamente e usam paralisadores especiais para porcos.

É possível matar um porco com um choque elétrico

Muitos fazendeiros usam armas paralisantes durante o abate por medo de se machucar. O abate tradicional deve ser realizado por homens com boa força física que consigam manter a caxumba. Nesse caso, vários homens matam o porco ao mesmo tempo, e nenhuma pessoa. Se o fazendeiro está abatendo pela primeira vez, é recomendado o uso de um choque elétrico especial. É importante notar que é impossível matar um animal com ele. É usado para atordoar e imobilizar o porco.

O uso de tal dispositivo tem várias vantagens e desvantagens. Entre as vantagens de um choque, distinguem-se as seguintes:

  • Usando esse método de abate, você não precisa pedir ajuda a estranhos. Uma pessoa será suficiente para efetuar o abate de um porco.
  • Lucratividade. A eletrocussão é considerada o método de atordoamento mais econômico.
  • Nenhum inventário adicional necessário. A única coisa que você precisa para atordoar um animal é um paralisador.

No entanto, este método de atordoamento também tem suas desvantagens, que as pessoas podem encontrar ao usar um choque elétrico incorretamente. Esses incluem:

  • alta probabilidade de fratura de membro;
  • uma diminuição do nível de pH nos tecidos musculares;
  • danos à superfície da pele;
  • hemorragias menores.

Tipos de armas paralisantes

Antes de iniciar o abate de leitões, você precisa se familiarizar com os tipos de armas de choque que podem ser usadas para atordoar animais.

Controlo remoto

Este modelo é frequentemente usado para atordoar animais, pois pode ser usado para atordoar um porco à distância. Tais dispositivos estão equipados com um cartucho especial de tiro, com o qual é possível atordoar o animal à distância. O alcance de tiro de diferentes modelos de choque elétrico é diferente. No entanto, a maioria deles permite que você acerte o alvo a uma distância de 5 a 6 metros. Algumas armas de choque caras têm um alcance de 10 a 12 metros. A principal desvantagem dos amortecedores remotos é que eles são adequados apenas para uso único.

Contato

As pessoas que procuram um dispositivo reutilizável devem escolher armas paralisantes remotas. Eles podem ser desabilitados, habilitados e reutilizados conforme necessário. A categoria de tais produtos inclui armas paralisantes convencionais, armas paralisantes e modelos com efeito nocauteador. Esses dispositivos têm amperagem considerável e quebra de faísca. Com a ajuda deles, você pode paralisar um javali adulto por 20-25 minutos.

Bastões

Alguns fazendeiros usam armas paralisantes em forma de bastão para abater os leitões. É recomendado usar este modelo se você precisar atordoar rapidamente vários animais de uma vez.

Transformador DIY para porcos deslumbrantes

Não é necessário comprar uma arma de choque para porcos atordoantes, pois você mesmo pode fazer uma. Para fabricar o produto, você precisará das seguintes peças:

  • conversor;
  • transformador;
  • pára-raios;
  • capacitor.

O princípio de funcionamento de um amortecedor caseiro é bastante simples. Primeiro, o capacitor transmite uma descarga elétrica para o transformador, após a qual um impulso elétrico é gerado. Fazer um choque começa com a criação de um transformador. Para fazer isso, você precisa de um núcleo B22, na superfície do qual é enrolado um fio esmaltado. Você pode adquirir essa peça em uma loja especializada na venda de peças elétricas.

Após o enrolamento, deve haver cinco camadas de enrolamento no núcleo. Recomenda-se colocar fita isolante entre eles. Tendo terminado com isso, eles começam a criar um transformador de saída. Você precisará de um tubo de polipropileno com diâmetro de 20-25 milímetros. Dela é cortada uma peça com 45 milímetros de comprimento, que será usada como moldura. Em seguida, ranhuras com profundidade de um milímetro e meio são feitas no interior do tubo com uma broca.

Depois disso, um fio é enrolado ao redor do tubo, na borda do qual fios com várias veias são soldados.

Terminado o transformador, um fio de um milímetro de espessura é enrolado ao redor do núcleo de ferrite. Em seguida, ele é isolado e inserido no tubo. Isso deve ser feito com muito cuidado para que as fases do enrolamento não estejam em direções diferentes. Em seguida, o transformador é colocado em uma caixa e preenchido com parafina. A montagem da arma de choque deve ser realizada de acordo com o seguinte esquema.

Preparação para abate

Antes de iniciar o abate, você precisa fazer o trabalho preparatório. Agricultores experientes desaconselham alimentar os animais na véspera do evento. O jejum diário contribui para o esvaziamento completo dos intestinos e estômago do animal. Isso terá um efeito positivo na qualidade da banha e da carne após o término do procedimento. Poucas horas antes do abate, a quantidade de água consumida é limitada aos leitões ou totalmente suspensa.

Também é necessário preparar com antecedência o inventário que pode ser necessário para a obra. Entre as ferramentas necessárias, destacam-se as seguintes:

  • Corda. Pode ser necessário se o porco tiver que amarrar os membros.
  • Eletrocutor. Uma ferramenta com a qual o animal será atordoado.
  • Faca ou cutelo afiado. Com a ajuda deles, será realizado o abate de porcos atordoados.
  • Recipientes com água morna. Pode ser necessário líquido para enxaguar a pele e as entranhas do leitão.
  • Recipientes vazios. Eles serão necessários para colocar o sangue do animal e suas entranhas neles.

Regras de processo

Antes de atordoar um leitão com um choque elétrico e depois abatê-lo, você precisa se familiarizar com as características deste procedimento. Primeiro, você precisa atordoar o animal com um choque elétrico.

Nesse caso, é necessário selecionar a potência da arma de choque para que a descarga selecionada seja suficiente para atordoar o animal. Em seguida, você precisa golpear com uma faca na área do coração ou pescoço.

Após o abate do porco, é necessário iniciar o corte da carcaça. Para fazer isso corretamente em casa, você deve seguir as seguintes recomendações:

  • Depilação. Para remover os pelos da superfície da pele do porco, é necessário usar uma tocha ou maçarico. O procedimento deve ser realizado com muito cuidado para não danificar acidentalmente a pele.
  • Lavar a pele. Após a remoção dos pelos, enxágue a carcaça com água quente para se livrar dos vestígios de queimadura. Se necessário, raspe as cerdas restantes da pele.
  • Corte de membros. É necessário aparar os cascos com uma faca afiada e bem afiada.
  • Removendo as entranhas. Antes de se livrar deles, a carcaça é virada de costas, o tórax é cuidadosamente cortado e os pulmões, o coração e o esôfago são retirados. Para obter a bile e o fígado, você terá que fazer uma incisão ao longo de todo o peritônio. Quando todas as partes internas são removidas, as paredes internas da carcaça são lavadas com água morna.

Possíveis erros

Existem vários erros que os agricultores cometem ao abater leitões:

  • Alimentação abundante antes do abate. Isso não pode ser feito, pois devido ao alimento no estômago durante o processo de abate, o animal pode sofrer defecação involuntária.
  • Dia errado escolhido. Os leitões não podem ser abatidos em dias gelados, pois isso torna muito mais difícil o abate da carne.
  • Corte desleixado. Se você inadvertidamente cortar a carcaça, o sangue entrará nos órgãos internos, o que irá deteriorar a qualidade da carne.

Conclusão

Muitos agricultores que gostam de criar leitões têm que abatê-los. Antes disso, é recomendável que você se familiarize com os recursos deste procedimento para fazer tudo certo.


Assista o vídeo: COLHEITA DO MILHO HIDROPÔNICO II (Setembro 2021).