Além disso

É possível que porcos e leitões dêem beterraba vermelha, seus benefícios e malefícios


A beterraba vermelha é uma raiz vegetal rica em açúcares e carboidratos. Deve ser usado com cautela na dieta de artiodáctilos não ruminantes. Se os porcos forem mal preparados ou alimentados com produtos estragados, pode ocorrer intoxicação aguda em animais. É possível dar e incluir na dieta diária de porcos e leitões a beterraba vermelha, quais os benefícios e malefícios de uma verdura vermelha.

Os porcos podem comer beterraba?

Os leitões e porcos podem receber beterraba vermelha? O assunto é muito polêmico. Os leitões não apresentam problemas digestivos com a forragem e acelga, e o vegetal de raiz saudável costuma ser incluído no menu como um suplemento vitamínico importante para a dieta principal. Mas a beterraba sacarina pode causar intoxicação nos habitantes do chiqueiro.

Assim, é necessário alimentar os suínos com raízes vermelhas com cautela, em pequenas quantidades, seguindo as instruções. Mas os topos suculentos, finamente picados em uma gamela, se tornarão um suplemento vitamínico útil para a dieta principal. As folhas do porco são consumidas com grande prazer, enquanto os animais saturam o corpo com vitaminas A, B e C, flavonóides.

Benefício e dano

Se o uso do produto tantas vezes causa intoxicação em não ruminantes, por que incluí-lo na dieta? Benefícios e benefícios do suplemento:

  1. É importante incluir suplementos vitamínicos suculentos no cardápio dos suínos no inverno.
  2. O vegetal contém carboidratos de fácil digestão, necessários para animais com cascos fendidos não ruminantes para uma digestão adequada e funcionamento da microflora ruminal.
  3. Alimentos complexos são melhor absorvidos.
  4. Os porcos têm um apetite aumentado.
  5. Economia de custos para o agricultor comprar ração concentrada.

Importante! Se a base da dieta dos suínos domésticos é a silagem, então a beterraba vermelha deve ser incluída em pequenas quantidades, como um aditivo para a prevenção da acidose.

O porco pode ser prejudicado ao comer vegetais de baixa qualidade e estragados, bem como raízes cozidas. Vegetais açucarados escaldados ou fervidos entram rapidamente no processo de fermentação no caldo, onde começam a ser liberadas substâncias tóxicas, havendo alto risco de intoxicação do gado.

Respeite estritamente a ingestão diária de suplemento. A porcentagem de vegetais picados não deve exceder 30% de toda a refeição.

Instruções de uso

A regra principal do uso de beterraba vermelha ou forrageira na dieta de beterraba bifurcada não ruminante é dar vegetais frescos, observando a norma. Instruções passo a passo:

  1. Enxágue as raízes dos vegetais da sujeira.
  2. Pique os vegetais finamente em uma gamela
  3. Misture o produto com a alimentação principal.

Os topos podem ser dados frescos, regados com água a ferver, até aos leitões. Se a ração forrada com silagem predominar no menu dos porcos, a quantidade de vegetais picados pode ser aumentada para 50% da mistura total da ração. Essa técnica diminui a acidez da comida, o que provoca apetite nos suínos, e eles comem melhor a guloseima proposta.

Dicas e truques

A inclusão de um suplemento vegetal vermelho no cardápio da pecuária pode economizar significativamente no orçamento do agricultor para a compra de ração concentrada. Um vegetal de raiz útil pode substituir até 50% da ração principal. Recomendações para agricultores:

  • dê vegetais e tops frescos;
  • observar a taxa diária do aditivo e a proporção com a ração principal;
  • não inclua raízes cozidas na dieta dos porcos;
  • Alimente os leitões e adultos com giz e forragem.

Com uma alimentação equilibrada dos suínos e o cumprimento das regras para o preparo de uma planta doce, os suínos não apresentam distúrbios digestivos, pelo contrário, a digestibilidade dos alimentos aumenta, os processos metabólicos melhoram e se forma imunidade a doenças infecciosas.


Assista o vídeo: Imagine Dragons - Its Time Lyrics (Outubro 2021).