Além disso

Instruções de uso do fungicida "Horus" para o tratamento de uvas e tempos de espera


As safras de uva não apresentam forte imunidade a infecções fúngicas. Com frequência, esse ataque ameaça vinhedos que crescem em latitudes climáticas temperadas, áreas com alta umidade do solo. As instruções de uso do Horus, um fungicida para uvas, promete proteção suave da planta contra a propagação de doenças após o primeiro tratamento realizado na primavera, até que o ambiente seja favorável para a propagação do fungo.

O que é isso?

Horus é um produto fungicida desenvolvido para combater fungos perigosos para a videira. Fungicida traduzido do latim significa "matar cogumelo". Meios para a mesma finalidade incluem a mistura bordalesa e a cor de enxofre, usada para proteger a maioria das árvores frutíferas. Os fungicidas ajudam não só a proteger a planta das infecções fúngicas, como também são utilizados no tratamento dos locais onde os frutos serão armazenados, o que ajuda a conservar os bagos por muito tempo.

O medicamento "Horus" é usado para doenças da uva:

  • Oidium.
  • Mofo.
  • Oídio.
  • Manchas nas folhas.
  • Fruta e podridão cinzenta.

A substância ativa do medicamento é o ciprodinil. Sua fração de massa na composição total do produto é de 75%.

O ciprodinil é um pesticida que destrói com igual eficácia os microrganismos parasitas que hibernam na videira - destrói os representantes dos fungos:

  • ascomicetos - mais de 30 mil espécies de cogumelos marsupiais;
  • basidiomicetos - mais de 30 mil espécies de cogumelos cap;
  • Deuteromicetos são um grupo heterogêneo de fungos, cujos ancestrais foram Ascomicetes e Basidiomicetos.

A ação da droga é destruir a infecção em um estágio inicial de desenvolvimento, para destruir completamente a capacidade de regeneração e reprodução.

Quando é usado?

"Horus" é aplicado no início da primavera, até que os botões da planta começam a inchar. Isso não está relacionado com o perigo do medicamento para a planta ou seu acúmulo nos frutos da futura safra, o que poderia ameaçar de envenenamento, mas com o fato de os fungos ainda estarem na fase de sono. Nesta fase, é mais fácil lidar com eles.

Se o fungo, no entanto, começou a se desenvolver, afetando cada vez mais áreas de videiras e folhas, então o tratamento pode ser realizado em qualquer estágio de desenvolvimento da planta:

  • durante a floração;
  • ovário;
  • amadurecimento de frutas.

A peculiaridade do medicamento produzido pelo fabricante suíço "Syngenta" é que o "Horus" atinge apenas as lesões, não penetra profundamente na videira, portanto, não entra no suco e não se espalha pela planta. A pulverização das plantas é realizada em tempo seco, o que acelera sua penetração nos brotos e nas folhas.

A chuva que começou após algumas horas não afetará a qualidade da pulverização.

Prós e contras da droga

“Horus” penetra profundamente em uma folha jovem em 2-3 horas em baixas e altas temperaturas do ar, até +25 ° C e funciona com a mesma eficácia. No calor extremo, a eficiência da droga diminui ligeiramente. O produto não é tóxico para a planta. Seu consumo é relativamente baixo. A baixa mobilidade dos componentes também se refere às qualidades positivas do fungicida, que não serão carregados da planta pelos lençóis freáticos.

A ferramenta é usada como:

  • preventivo;
  • estruturação;
  • medicinal.

A principal desvantagem do "Horus" é a impossibilidade de proteger qualitativamente as plantas adultas dos fungos. Não consegue nem mesmo penetrar na cutícula de uma folha velha. Por conta dessa característica, recomenda-se aplicar o fungicida na primavera, até que as folhas das uvas ganhem força.

Instruções de uso

As uvas devem ser tratadas com uma solução de "Horus" de baixa concentração. O processamento de cem metros quadrados de vinha exigirá 2 litros de água e 6 g de produto seco. Primeiro, a água é derramada no pulverizador e o agente granular é derramado nele. O tempo de espera pelo resultado do processamento não ultrapassa 2 a 3 horas.

Compatibilidade com outras drogas

O medicamento dura de 1 a 2 semanas. Depois disso, é necessário um novo tratamento com a preparação "Skor". A complexidade do "Horus" não reside apenas na alternância, se necessário, ele pode ser misturado com outras preparações inseticidas que fornecem proteção contra pragas de insetos.

Que precauções você deve tomar?

Não há agressividade particular do fungicida, mas devem ser observados os cuidados para trabalhar com composições químicas:

  • crianças, mulheres grávidas, mães que amamentam não devem ser permitidas a menos de 15 metros durante a pulverização;
  • a mesma regra se aplica a pessoas alérgicas a odores;
  • fumar, beber e comer são proibidos durante o tratamento.

O equipamento de proteção pessoal ao trabalhar com soluções químicas no jardim é: luvas de borracha, respirador e óculos.


Assista o vídeo: Como usar o cercobin (Junho 2021).