Além disso

Instruções de uso do fungicida Bayleton, composição e forma de liberação do produto


Bayleton é usado para proteger as plantações de microorganismos prejudiciais e várias doenças. Possui efeito sistêmico, o que permite sua utilização no combate aos mais diversos tipos de pragas. Para que o tratamento dê o resultado desejado, é necessário conhecer as características das instruções do fungicida Bayleton, as regras de preparação da solução de trabalho, bem como as taxas de consumo para as diferentes culturas.

Composição, finalidade e forma de liberação do medicamento Bayleton

O principal ingrediente ativo do fungicida é o triadimefon. O medicamento está disponível na forma de pó em embalagens de 1, 5 e 25 quilos. É usado para proteger as plantas de uma variedade de pragas e doenças, incluindo:

  • oídio;
  • fusarium;
  • rhynchosporia;
  • pirenofoses;
  • septoria;
  • cercosporeliose;
  • spotting líquido;
  • manchas marrom-avermelhadas;
  • cogumelos enferrujados.

Como funciona?

Os componentes ativos do fármaco, devido aos processos inibitórios da dimetilação da síntese de esteróis e à violação da seletividade da permeabilidade das membranas celulares dos microrganismos patogênicos, combatem de forma eficaz as doenças das culturas vegetais.

O agente penetra nas plantas através da superfície das folhas, após o que se move para o sistema radicular. A morte de pragas ocorre como resultado da formação de haustórios, bem como apressórios e vesículas.

Triadimefon é mais ativo na fase gasosa. Com isso em mente, o fungicida pode ser usado para tratar plantas que crescem em estufas de infecções foliares.

Além disso, a ferramenta tem um efeito inseticida pronunciado. Após a pulverização, nota-se a necrose das larvas dos besouros das folhas, que se alimentam das folhas das plantas.

Para combater pulgões, o Bayleton é recomendado para ser usado junto com outros inseticidas.

Vantagens principais

A principal vantagem do produto é a sua eficácia no combate a uma ampla gama de pragas e doenças das culturas vegetais. Além disso, entre as vantagens do fungicida estão:

  • baixo nível de consumo de fundos;
  • disponibilidade;
  • falta de fitotoxicidade para as culturas tratadas;
  • exclusão da possibilidade de desenvolver resistência após a pulverização;
  • ação sistêmica no tratamento de plantas;
  • moderadamente perigoso para humanos, insetos melíferos e meio ambiente.

Regras de preparação de solução

Recomenda-se preparar uma solução de trabalho no dia do tratamento das plantas. Para fazer isso, dissolva 1 grama de pó em 1 litro de água. Primeiro, um terço do líquido é despejado no tanque do pulverizador, depois o agente é derramado e a solução é bem misturada. Em seguida, adicione o resto da água e comece a pulverizar as culturas desejadas.

Dosagem do produto para diferentes tipos de culturas

Ao processar safras de grãos, você precisa de 500-700 gramas de fundos por 1 hectare de plantio. Consumo da solução de trabalho - 300 litros. O tempo de espera entre os tratamentos deve ser de pelo menos 3 semanas.

Para pulverizar pepinos que são cultivados em campo aberto, 80-120 gramas de fundos são usados ​​por hectare. A taxa de consumo da solução de trabalho é de 500-600 litros. O tempo de espera entre os tratamentos deve ser de pelo menos 3 semanas.

O número total de tratamentos é de 4 vezes em 1 temporada.

Pepinos internos precisam de 0,2-0,6 kg de fungicida. O consumo da solução de trabalho é de 1000-2000 litros por hectare. Devem passar pelo menos 5 dias entre as pulverizações.

Os tomates de interior precisam de 2 a 2,5 kg do produto. É mexido em 1000-2000 litros de água. Isso é suficiente para processar 1 hectare de plantio. O número máximo de tratamentos é de 2 por temporada. Deve haver um intervalo de 10-12 dias entre eles.

As colheitas de sementes de milho requerem 500 gramas de fundos por 1 hectare. A taxa de consumo do agente de trabalho é 300-400 litros.

Aplicação de fungicida

Por 1 temporada, as plantações são pulverizadas com Bayleton de 1 a 4 vezes. Depende do tipo e grau de infestação da planta. Recomenda-se realizar o processamento durante o período vegetativo. O trabalho é realizado de manhã cedo ou tarde da noite, com tempo calmo e claro.

Precauções ao trabalhar com o produto

O fungicida Bayleton pertence à 3ª classe de toxicidade. Isso significa que é moderadamente seguro. Para evitar a intoxicação do corpo, você deve seguir as regras de segurança. Esses incluem:

  1. Ter uma muda de roupa que possa ser usada ao trabalhar com um produto químico. Para fazer isso, você precisa usar coisas feitas de tecido grosso. Recomenda-se também possuir equipamento de proteção individual na forma de capacete, óculos a vácuo, respiradores para proteção respiratória e avental de borracha.
  2. Verificar o estado do pulverizador com água.
  3. O procedimento é recomendado na ausência de vento e chuva, pela manhã ou à noite.
  4. Não é recomendado beber, comer ou fumar durante o procedimento, pois isso pode levar à intoxicação do corpo.
  5. Após o processamento, é necessário neutralizar o tanque para pulverização com solução de refrigerante a 5% ou sabão em pó.
  6. A pulverização não deve ser realizada para crianças, lactantes e gestantes, bem como para pessoas com hipersensibilidade aos componentes do medicamento.

Fitotoxicidade

Significa que Bayleton não possui fitotoxicidade ao processar safras de plantas. Sujeito às instruções de uso do medicamento, não é perigoso para o meio ambiente No entanto, há evidências de que, durante um exagero da norma, podem ocorrer fitotoxicidade indesejável nas fruteiras.

Possibilidade de surgimento de resistência

Com o uso regular do medicamento Bayleton, fica excluída a possibilidade de desenvolver resistência a pragas aos componentes do produto. Além disso, o efeito do fungicida não é perdido durante os tratamentos com seu uso por várias temporadas.

Drogas compatíveis

O fungicida Bayleton pode ser combinado com a maioria das preparações para pulverizar hortaliças e frutas.

Antes do tratamento complexo das plantas, é recomendável verificar a compatibilidade química dos produtos.

Termos e condições de armazenamento do fungicida

O medicamento não pode ser armazenado por mais de 4 anos a partir da data de fabricação. Recomenda-se armazenar o produto longe de utensílios domésticos e alimentos. A temperatura ambiente não deve exceder 25 ° C. O fungicida Bayleton deve ser mantido sempre em um recipiente fechado.

Meios semelhantes

Caso não seja possível adquirir o medicamento Bayleton, recomenda-se o uso dos fungicidas T-Rex e Bayzafon. Essas alternativas têm composição e efeito semelhantes, o que as torna adequadas para uso como substituto do pesticida principal.

O fungicida Bayleton é um dos medicamentos mais eficazes para proteger as plantas do oídio, fusarium, pirenoforose, doença do rincosporium, doença septória, cercosporeliose, mancha reticular e marrom-avermelhada, bem como fungo da ferrugem.

O uso de tais substâncias é eficaz se as instruções de uso forem seguidas, bem como as normas de segurança. Isso tornará a pulverização benéfica para a cultura e segura para a saúde.


Assista o vídeo: Fungicidas sítio-específico X multissítio, pq melhora a eficácia de controle? Madalosso,. (Setembro 2021).