Frutas e Legumes

Limão na panela


Pergunta: limão em vaso


Olá, sou Federica, peço conselhos sobre o meu limão em vasos, hoje em dia está muito chuvoso e o limão é deixado ao ar livre. Agora ele tem folhas secas e dobradas, e o galho do lado de fora é marrom e verde por dentro, portanto ainda está vivo.
Que cuidados você recomenda? Muito obrigado. Aguardo sua resposta o mais breve possível.
Federica

Resposta: limão em vaso


Dear Federica,
limões são pequenas árvores originárias da Ásia, onde vivem em locais com invernos bastante quentes e boa umidade. Mesmo na Itália, onde essas árvores frutíferas são cultivadas, tendemos a regá-las com boa regularidade, para evitar deixá-las secas por períodos muito longos. Mas é claro que não devemos exceder; acima de tudo, é bom regular a rega com a temperatura: se estiver muito quente e o clima estiver decididamente muito seco, como acontece em julho, é bom regar mesmo diariamente; se o clima é frio e úmido, como acontece na primavera, é aconselhável evitar a rega. Portanto, é regada mais do que qualquer outra coisa, evitando deixar o solo seco por um longo tempo e, portanto, quando o solo já está seco, evitamos a rega. Se, como na primavera de 2013, o clima é particularmente fresco e úmido, com chuvas regulares, é bom colocar o limão de forma a não receber toda a água da chuva; Às vezes, basta colocar o vaso em uma área um pouco mais protegida da casa, ou pode ser necessário preparar uma espécie de guarda-chuva com lençóis de plástico. Mas se o limão é cultivado em um bom solo, muito bem drenado, geralmente sofre sem problemas, mesmo as chuvas mais persistentes (exceto em casos muito particulares) não causam problemas à planta, porque o solo não permite a estagnação e permite que ela flua livremente . Seu limão, por outro lado, provavelmente além de receber muita água, também foi colocado em um solo muito compacto e pouco drenado, ou porque você ainda não o colocou no melhor solo ou porque está na mesma panela há algum tempo e, portanto, com a passagem meses o solo se compactou. No momento, seria aconselhável repovoar a planta, para remover o solo compacto de suas raízes e também para eliminar os fungos presentes, porque certamente são doenças fúngicas que causam a saúde do limão. Repote escolhendo no viveiro um solo excelente e muito drenante que também contenha seixos, como lapillus ou pedra-pomes; geralmente em viveiros bem abastecidos, eles já possuem uma mistura de solos adequados para frutas cítricas. Após o repotting, regue somente quando o solo estiver seco. Para evitar que a doença fúngica se espalhe para outras partes da planta ou raízes, ela vaporiza um fungicida sistêmico que absorve as folhas, que circula na planta e mata todos os parasitas fúngicos presentes nela.