Jardinagem

Lolium perenne


Irrigação de lolium perene


O Lolium Perenne, uma vez semeado, cresce bastante espontaneamente. No início, seria aconselhável garantir o fornecimento constante de água, tanto quanto possível, mas posteriormente, dependendo da área de cultivo, podemos permitir que ele se desenvolva naturalmente. A precipitação normal em determinadas épocas do ano pode ser suficiente. No verão, seria melhor intervir em apoio com irrigações generosas e frequentes. Para um gramado colocado em uma área pequena, podemos pensar em regar manualmente. Se, em vez disso, decidimos semear o Lolium Perenne para formar uma extensão de dimensões médias ou grandes, teremos necessariamente de instalar um sistema de irrigação fixo. O Lolium Perenne, de fato, não pode suportar nem breves períodos de seca, correndo o risco de sofrer danos irreparáveis. Pelo contrário, tolera situações de precipitação intensa.

Para obter um gramado uniforme de Lolium Perenne, teremos que semear nos meses de primavera, a fim de permitir que o clima naturalmente favorece o crescimento e o desenvolvimento. Em geral, nenhum cuidado especial é necessário e a disseminação ocorre de maneira espontânea. No caso de um gramado existente ser regenerado, pode ser necessário erradicar manualmente as ervas daninhas infestantes que poderiam crescer nessa área. Seria melhor evitar produtos herbicidas seletivos que poderiam danificar também o Lolium Perenne. Cortaremos a grama periodicamente, ajustando-a à altura desejada, tentando não deixá-la crescer muito, de modo a manter sempre a superfície gramada arrumada. O Lolium Perenne resiste muito bem, mesmo quando pisoteado, por isso não será necessário cercar a área.Solo e fertilização



O sistema radicular do Lolium Perenne é bastante superficial. Portanto, ao preparar o solo de antemão, você não precisa ir muito fundo. Operaremos uma escavação e uma enxada, a fim de quebrar todos os torrões e trabalhar bem o solo. Depois disso, podemos enriquecer com um produto orgânico, com adubo maduro e composto caseiro bem decomposto. Vamos esperar que o solo absorva nutrientes naturalmente por pelo menos algumas semanas. Podemos então começar a semear distribuindo o Lolium Perenne de maneira uniforme e fornecendo uma primeira irrigação, talvez com chuva, certificando-se de não mover as sementes para a terra. Podemos repetir a fertilização anualmente, sem exagerar. Esta espécie também cresce em áreas caracterizadas por drenagem deficiente, onde a estagnação se forma.

Lolium perenne: clima e adversidade



É possível obter uma cobertura de grama Lolium Perenne em todas as regiões da Itália, nas áreas de terras baixas e em alturas montanhosas e além. No inverno, não há problemas específicos relacionados à exposição a baixas temperaturas. O Lolium Perenne também suporta situações de frio intenso, onde cai abaixo de zero grau. Por outro lado, precisamos prestar atenção ao verão, não tanto pelas temperaturas, como pelas adversidades que podem ocorrer durante períodos de seca prolongada. Sempre teremos de garantir o suprimento correto de água, se não quisermos que nossa extensão gramada seja arruinada, resultando em menos uniforme. Lolium Perenne é apreciado por sua resistência e crescimento espontâneo. Portanto, não deve ser necessário usar pesticidas. Com o fertilizante certo, o solo ideal e a irrigação correta, você não precisará usar nenhum produto químico.