Jardim

Campânula


Molhe corretamente


A campânula é uma planta que, para crescer adequadamente, precisa da rega correta. Em particular, no período entre abril e setembro, a rega deve ocorrer com bastante regularidade, especialmente entre julho e agosto, quando as temperaturas são mais altas. Imediatamente após o plantio das campânulas, é essencial irrigá-las com muita frequência, principalmente porque favorece o enraizamento das raízes. É muito importante lembrar que a planta não gosta de estagnação da água. Portanto, o solo deve estar constantemente úmido, mas nunca encharcado. Após o primeiro período, a Campânula se torna bastante autônoma do ponto de vista da água e é necessário prever uma integração periódica da água, após a verificação inicial do terreno.

Como cultivar e curar



A campânula não é uma planta excessivamente exigente no cultivo, razão pela qual também é adequada para iniciantes. De preferência, os solos devem ser profundos, ricos, drenados e subalcalinos. As plantas devem ser plantadas de abril a junho, no norte, de outubro a novembro, se você mora no Sul. No solo do jardim, é necessário adicionar solo universal e pedra-pomes. Em seguida, trabalhe o solo em profundidade, complementando com um bom composto, e colocando cada muda a cerca de trinta centímetros da outra. Se prosseguirmos com o cultivo em vasos, isso deve ser mais profundo que largo para permitir às raízes um desenvolvimento vertical. Cascalho e argila são colocados no fundo. Muito importante é a poda para a eliminação de flores secas.

Fertilização



A fertilização é uma das operações que certamente deve receber mais atenção. Somente fazendo isso corretamente, de fato, a planta pode ter desenvolvimento saudável garantido e uma flor invejável. O fertilizante ideal para Campanula é projetado especificamente para plantas com flores, para ser administrado a cada duas semanas. Os melhores são, sem dúvida, líquidos, para serem facilmente dissolvidos com a água que será usada para regar a planta. As adubações devem ser realizadas exclusivamente no período vegetativo, ou seja, no período de março a setembro. É necessário fornecer uma quantidade maior de potássio e não de nitrogênio para não criar estímulos excessivos no plano vegetativo em detrimento da produção de flores.

Campânula: Exposição e doenças



A exposição ideal para a Campânula é certamente aquela em pleno sol ou, se isso não for possível, mesmo na condição de semi-sombra. Áreas que são muito sombreadas, por outro lado, afetam negativamente a saúde da planta, que tende a produzir uma quantidade muito menor de flores dessa maneira. Em áreas mais quentes, é melhor colocar as plantas longe da luz solar direta durante as horas mais ensolaradas do dia. O frio, por outro lado, não é absolutamente um problema, porque, no nível vegetativo, as Campânulas estão em repouso nesta temporada. Além disso, para o cultivo em vasos, é altamente recomendável evitar o contato direto com os ladrilhos, pois eles podem transmitir muito calor no verão. Normalmente, as campânulas não são atacadas por insetos ou doenças. Apenas o caracol na primavera.