Plantas de apartamentos

Conhecer e cuidar de gerânios


Como e como regar os gerânios corretamente


Regar excessivamente gerânios é um erro bastante frequente, especialmente entre iniciantes. É importante saber, de fato, que o gerânio não precisa de muita água porque suas raízes estão realmente sujeitas a episódios frequentes de podridão. Molhar as folhas é absolutamente proibido para evitar a proliferação de muitas doenças. Os gerânios devem ser regados, como regra, quando os substratos do solo estiverem completamente secos. Para verificar isso, é possível inserir um dedo no solo até 4 cm de profundidade e verificar a umidade do solo. Geralmente, os gerânios são muito resistentes à seca e, portanto, é melhor evitar a rega recorrente que molha excessivamente o solo. Durante o inverno, é necessário regar os gerânios somente se colocados dentro.

Simplicidade no cultivo e cuidado de gerânios



O cultivo de gerânios não requer habilidades especiais, pois é realmente muito simples. Um dos fatores mais importantes é o solo. Os solos utilizados devem ser projetados especificamente para gerânios. Sempre que possível, é aconselhável preparar o solo a ser usado combinando argila e pedra-pomes. Desta forma, os solos estão drenando adequadamente. Finalmente, os solos ideais são particularmente argilosos e bem fertilizados. O tamanho dos navios é muito importante. Eles devem ter um diâmetro de pelo menos 30 cm. Se os gerânios são plantados em linha, a distância mínima entre um e outro deve ser de 20 cm. À medida que murcham, as flores devem ser erradicadas pontualmente para favorecer a produção contínua e vigorosa de novas flores e a aeração adequada.

Como e quando é necessário fertilizar gerânios



Apesar de um cultivo realmente simples, os gerânios precisam ser submetidos a uma fertilização correta, como qualquer outro tipo de planta. O fertilizante ideal para gerânios deve ser pontual em todas as regas, usando um fertilizante líquido para ser diluído na água utilizada. As doses indicadas em cada embalagem devem ser absolutamente diminuídas para não influenciar negativamente o desenvolvimento da planta. As operações de fertilização devem necessariamente ser interrompidas nos períodos mais quentes do ano. Os fertilizantes ideais são aqueles de liberação lenta, para serem utilizados em média a cada 2 meses, cuidando para que o produto escolhido possa fornecer a quantidade correta de potássio, um elemento essencial para os gerânios.

Conhecer e tratar os gerânios: exposição adequada e possíveis doenças do gerânio



Os gerânios são plantas bastante resistentes. Eles podem ser cultivados no Mediterrâneo, bem como em climas alpinos. Mesmo nas áreas mais tórridas, são muito resistentes à seca. A exposição ideal depende das áreas onde você está. Em áreas quentes, os gerânios devem ser expostos ao sol somente de manhã. Nas montanhas, a exposição ao sol vai muito bem ao longo do dia. O mofo está entre as doenças que mais comumente afetam os gerânios. Existem vários insetos que podem criar problemas, como a "borboleta gerânio" que deposita ovos na flor, causando a morte irremediavelmente da planta. Para remediar o molde, é necessário melhorar a rega e remover as folhas doentes. A "borboleta gerânio" é usada apenas com inseticidas especiais, em comprimidos ou grânulos.