Como regar a gardênia


A gardênia está entre as plantas mais bonitas que podem ser admiradas nos terraços e nos jardins das casas. É uma espécie perene arbustiva que prefere estar ao ar livre, onde pode crescer e atingir até 2 metros de altura. Faz parte da família Rubiaceae, nativa do sul da África e da Ásia, acostumada a crescer em um ambiente úmido. As espécies mais comuns e cultivadas em nossos climas é a que leva o nome de Gardenia jasminodes, porque seu perfume é semelhante ao do jasmim. Se você quiser saber quanto regar uma gardênia, considerando que é uma planta cultivada em áreas úmidas, é recomendável garantir que seu solo permaneça sempre úmido. Mas você não precisará dar muita água e terá que evitar a estagnação no vaso. Ao mesmo tempo, é aconselhável borrifar água nas folhas, evitando molhar as flores para não murchar. O pires pode ser preenchido com cascalho ou argila expandida. Outro truque a ser seguido é não usar água com muito calcário, pois isso tende a fazer com que as folhas fiquem amarelas. Para evitar esse inconveniente, é aconselhável fervê-lo adicionando algumas gotas de vinagre.

Como cultivar e cuidar da gardênia



Gardenia crescente é completamente simples. O solo mais adequado para o cultivo é o rico em substâncias orgânicas. Por esse motivo, seria aconselhável colocar a gardênia em uma panela que contenha solo universal à base de ácido e, pela metade, turfa misturada com estrume maduro. Você pode adicionar areia, argila expandida e os elementos naturais que garantem a drenagem do solo. A gardênia geralmente floresce durante o verão, mas depende muito das espécies. As flores do Gardenia jasminodes brotam entre junho e setembro. No final da floração, é necessário encurtar os galhos para que a planta possa voltar a crescer harmoniosamente. Para torná-lo mais espesso, você precisará organizá-lo no verão. A gardênia é uma planta bastante delicada devido às flores que, sendo bastante fracas, tendem a cair facilmente. Como cuidar disso? A queda das flores é devida às mudanças repentinas de temperatura e das correntes de ar às quais a planta foi submetida. Portanto, seria aconselhável não movê-lo frequentemente de dentro para fora e tenha cuidado para não colocá-lo em uma área muito exposta.

Como e quando fertilizar a gardênia



Para fertilizar a gardênia, você precisa apenas de um bom fertilizante para ser usado periodicamente. Já vimos como a floração ocorre com a chegada dos dias quentes, durante os quais, para incentivar o crescimento da planta, será possível fertilizá-la com alguns fertilizantes que serão administrados com certa frequência. Recomenda-se o uso de fertilizantes contendo nitrogênio, fósforo e potássio, que no verão serão administrados a cada 15 dias e, com a chegada do frio, uma vez a cada 2 meses. É aconselhável usar um fertilizante líquido, pois ele é mais facilmente assimilado, o que será adequadamente diluído na água utilizada para a rega. O fertilizante também pode conter zinco, ferro, cobre e todos os outros microelementos que, embora presentes no fertilizante em uma porcentagem menor, são necessários para que a planta cresça e se desenvolva. Quando fertilizar a gardênia? No caso de uma planta recém-adquirida, não haverá necessidade de fertilizá-la, como já será. Recomendamos começar a fertilizar a gardênia na primavera, para que ela possa florescer ideal e continuamente ao longo do ano.

Exposição, doenças e possíveis soluções



Já vimos como a gardênia prefere o clima úmido. Escusado será dizer que não precisa ser exposto à luz solar direta, mas sim áreas de luz devem ser preferidas, mas ao mesmo tempo longe dos raios UV e fontes de luz artificiais. A exposição da gardênia também não precisará se preocupar com ambientes muito sombrios, pois eles não beneficiam a planta, que pode se deteriorar mais facilmente. A temperatura ideal para cultivar a gardênia não deve exceder 22 ° C no verão, nem cair abaixo de 12 ° C no inverno. Deve-se tomar cuidado para não expor a planta a chuvas torrenciais e que não haja correntes de ar na área escolhida. A gardênia, como outras plantas do jardim, é propensa a ser atacada por pragas e adoecer. Aqui estão algumas das principais doenças e possíveis remédios. Raízes muito podres fazem com que as folhas caiam. Portanto, será necessário eliminar as raízes danificadas, reduzir a rega e evitar a estagnação. Na presença de folhas amarelas, você terá que irrigar com água descalcificada e administrar quelatos de ferro. A infestação da planta com a aranha vermelha pode ser tratada com inseticida específico.