Jardinagem

Figo de poda


Ficus de poda


O gênero "ficus" inclui várias espécies de plantas com uma característica comum, a de possuir um látex pegajoso nos galhos. O gênero ficus inclui árvores frutíferas, figueiras (ficus carica) e espécies ornamentais (ficus elastica, ficus benjamin e outras). A poda da figueira será feita de maneira diferente, dependendo da espécie. A poda da figueira é necessária quando a planta é muito grossa ou muito alta. Nas plantas ornamentais, a poda tem o objetivo de moldar a planta, tornando o crescimento mais harmonioso, removendo galhos secos ou desbotados. Em alguns jardins, observamos plantas de várias formas, que representam um elemento decorativo muito particular. A poda é feita preferencialmente quando as plantas estão em repouso vegetativo, no outono ou no final do inverno. Os cortes devem ser feitos com tesouras bem afiadas e desinfetadas para evitar infecções por fungos ou parasitas e o mais próximo possível de um broto, para um desenvolvimento mais harmonioso. Durante a poda, tome cuidado para não entrar em contato com o látex da planta, pois pode ser irritante, principalmente para os olhos.

Ficus de poda benjamin



Ficus benjamin é uma variedade de ficus, um nativo da Ásia. Difere das outras espécies pelo tamanho das folhas pequenas, apontadas para as extremidades. Eles podem ter uma cor verde brilhante ou podem variar. Os galhos crescem de maneira desordenada e as dimensões variam dependendo de serem cultivadas em vasos ou ao ar livre ... O ficus benjamin é difundido e é cultivado principalmente em vasos. É uma planta muito decorativa para residências e escritórios particulares e não requer cuidados especiais. Se cultivada no solo, em jardins, cresce em altura e pode atingir dimensões consideráveis. A poda do ficus benjamin tem o objetivo de favorecer um crescimento mais harmonioso da planta, reduzindo a altura, eliminando as partes secas ou doentes. A poda do ficus benjamin deve ser feita no inverno, porque nesta temporada há menos produção de látex, mas também pode ser feita na primavera, com a técnica de cimatura. Esta técnica envolve a eliminação dos topos para estimular o crescimento dos ramos inferiores e ter uma planta "mais completa".

Figos de poda



A figueira (ficus carica) é difundida em toda a área do Mediterrâneo, especialmente nas regiões do sul da Itália, com o clima mais quente; é muito resistente à seca, mas teme baixas temperaturas e água estagnada. O cultivo de figos não apresenta dificuldades particulares devido à sua resistência particular à seca. A poda de figos tem uma finalidade diferente, dependendo da idade das plantas. Durante o primeiro e o segundo ano de crescimento, a figueira precisa de boa poda para orientar adequadamente o crescimento da planta e dar-lhe a forma desejada. Nos anos seguintes, a poda deve ser leve e deve servir para manter a forma determinada, eliminar galhos secos e doentes, clarear das folhas para permitir que a luz do sol penetre e favorecer o amadurecimento dos frutos. É preferível podar os figos no final do inverno, remover as ventosas e ter cuidado para não remover os galhos frutíferos. Os galhos devem ser orientados para o exterior, de modo a formar uma coroa ampliada e arejada, dentro da qual a luz do sol possa penetrar facilmente.

Poda de período espinhoso



A poda dos figos é muito importante e serve para regular a frutificação, porém é necessária quando a planta tem galhos velhos ou danificados ou é muito grande e deve ser reduzida, dando-lhe uma forma mais adequada e mais confortável para a colheita dos frutos. o inverno é melhor para podar a figueira, porque a árvore não cresce durante esse período, no entanto, é melhor escolher um dia que não seja muito frio, para não danificar toda a planta. Evite podar a figueira na primavera ou, em qualquer caso, quando houver sinais óbvios de novo crescimento. Eliminar os brotos que se formam na base da árvore, enfraquecer toda a planta e causar um menor rendimento. Para ter uma boa colheita, é necessário selecionar três ou quatro ramos (ramos frutíferos), bem espaçados do tronco principal. Nesses galhos, mais frutos saudáveis ​​serão formados e a planta não crescerá muito em altura; na verdade, a maioria dos frutos cresce em madeira velha ou em galhos que já produziram frutos no passado. Elimine os galhos que se desenvolvem fora dos galhos frutíferos para concentrar a seiva apenas nos selecionados.


Vídeo: Aprenda o passo a passo para realizar a poda de formação da figueira. Programa Terra Sul (Junho 2021).