+
Jardim

Arbustos de cobertura


Principais funções das coberturas


As funções das sebes de jardim são principalmente protetoras, graças à barreira que representam, mas não apenas, pois também podem se tornar um motivo decorativo. Especificamente, no que diz respeito à função de proteção, as sebes podem proteger do vento, ruído, poeira, poluição e luz solar. É claro que essas funções geralmente estão associadas uma à outra. Se você tem um jardim ou uma praça onde pode passar seu tempo livre, pode precisar de um pouco de privacidade e as sebes também são muito úteis para escapar de olhares indiscretos. A importância da barreira física criada por essas fileiras de arbustos não deve ser subestimada, pois protege contra invasões quase como uma parede real e também serve para delimitar a fronteira com as outras propriedades ou com a estrada. Nesse caso, para tornar a barreira ainda mais intransponível, você pode escolher uma espécie de arbusto com galhos espinhosos, como rosa de cachorro ou azevinho.

Tipos de coberturas



Você pode ter coberturas formais ou informais. As sebes formais, tipicamente italianas, são ideais para ambientes corporativos ou parques públicos, mas também são ideais para definir os limites de um gramado ou jardim. Eles são podados com muita frequência, a fim de manter uma forma geométrica e ordenada. As sebes informais, que estão mais presentes na tradição dos países do norte, ficam livres para crescer espontaneamente e são usadas se você deseja dar um toque de vivacidade ao meio ambiente. Na maioria dos casos, eles são compostos de plantas com flores e frutos atraentes. Essas sebes também são usadas se você deseja enriquecer o ambiente com alguma vida animal, na verdade elas representam o refúgio ideal para as aves.

O cuidado dessas plantas consiste essencialmente em poda, rega e capina. A poda periódica deve dar a toda a planta uma forma regular e harmoniosa. Algumas espécies são mais adequadas para serem podadas, por exemplo, o buxo, o azevinho, o osmanthus. Essas coberturas requerem podas particularmente frequentes. Mesmo no caso de sebes informais, de tempos em tempos uma poda leve pode ser realizada para remover algumas imperfeições. Para a irrigação, no caso de sebes muito grandes, é possível usar sistemas de gotejamento ou tubo. Para que as plantas cresçam corretamente, é necessário continuar com a remoção de ervas daninhas do solo onde são plantadas. O crescimento de ervas daninhas também pode ser impedido pela propagação de folhas.


Vídeo: 5 Plantas Resistentes para Varandas e Coberturas. Nô Figueiredo (Janeiro 2021).