Frutas e Legumes

Tipos de pimenta


Origem da planta de pimentão


A pimenta é uma planta pertencente à família das solanaceae do gênero 'capsicum'. É um cultivo que vem das Américas, mas hoje está abundantemente espalhado em quase todos os países. A pimenta tem sido usada como alimento comestível desde os tempos antigos e alguns testemunhos destacam sua presença já há 5000 anos. A planta foi usada no México e no Peru pelos nativos do lugar e, na Europa, parece ter atravessado Colombo no final do século XV. A pimenta também se espalhou para a África e Ásia, onde provou ser um tempero menos caro do que a canela tradicional ou a noz-moscada. Pensa-se que o nome peperoncino derive da semelhança de seu sabor com a de pimenta, em latim chamado appunto 'piper'. Na língua nativa americana, o chili era chamado de 'chilli' e é chamado tanto em espanhol quanto em inglês.

Características da planta de pimentão



A planta de pimenta é um cultivo arbustivo chamado 'vida curta'. Geralmente aparece como um arbusto bastante alto que pode atingir até dois metros. Normalmente, a altura da planta depende do tipo de planta que vamos plantar. Temos então folhas verdes claras e lindas flores compostas por 5 ou 6 pétalas brancas. As bagas serão verdes ou brancas no início e depois se tornarão vermelhas intensas quando maduras. A pimenta também pode ser cultivada na Itália e frequentemente plantada em vasos. A semeadura é geralmente programada entre fevereiro e março, enquanto os frutos serão produzidos apenas no final do verão. Para não perder suas propriedades, os pimentões devem ser utilizados logo após a colheita, mas também é possível preservá-los secos, em óleo ou em pó.

Tipos de pimenta



Na natureza, é possível encontrar mais de 70 tipos de pimenta, todas as variedades incluídas no gênero capsicum. Hoje, os cultivadores apaixonados sempre criam novas espécies graças a cruzamentos entre tipos de pimenta diferente. Na Itália, o tipo de pimenta mais difundido e cultivado é, sem dúvida, o 'capsicum annuum', enquanto as outras espécies são menos cultivadas. Apesar do nome, essa variedade não é anual, mas pode sobreviver por muitos anos, formando belos arbustos perenes para serem mantidos em vasos ou no jardim. As bagas desta pimenta terão um comprimento de 10 a 15 cm e uma cor que varia do verde ao vermelho escuro. A tipologia do ano também inclui subespécies muito picantes, como Cayenne, Jalapeño, Tepin, Chilitepin e Pequin. Estes podem ser usados ​​na cozinha, mas também como um ornamento floral.

Tipos de pimenta da América do Sul



Os tipos de pimenta mais cultivados no resto do mundo e especialmente no México são as variedades capsicum chinense, capsicum pubescens, capsicum frutescens e capsicum baccatum. Todos são pimentas cultivadas nas Américas e têm um alto grau de tempero, medido graças à Escala de Scoville. A variedade Chinense é a que inclui o famoso habanero, que até 2006 era considerado o pimentão mais picante do mundo. A esta espécie pertencem pimentas como Fatalii e Scotch Bonnet, típicas das ilhas do Caribe e da África Ocidental. Em vez disso, o tipo frutescens inclui a variedade 'Tabasco', da qual é obtido o famoso molho Tabasco, um molho apimentado de fabricação americana. Finalmente, o capsicum baccatum fornece pimentas igualmente picantes, como o 'chapéu do bispo' e o ajñ amarillo, típico do poleiro e da Bolívia.


Vídeo: Conheça os diferentes tipos de pimentas (Pode 2021).